GLAN - Grêmio Literário de Autores Novos
"Um Celeiro Cultural"
"Um Celeiro Cultural"
O GLAN
Novidades e Eventos
Poesias
Contos
Humor
Galeria de Fotos
Poesias

Ivanildo

Ivanildo Martins Gonçalves

Ausência

XXIII Coletânea de Contos e Poesias - 2008

Indefeso igual a flor
ante o vento da paixão,
despetalou-se em amor,
tão frágil, o meu coração...

Atingido na inocência,
como sofro. Oh! Meu Deus.
Sentindo que essa ausência
na verdade, é um adeus...

Coração antes em festa
agora jaz combalido,
quando tudo o que me resta,

desse amor, então, vencido,
saudade, a cruel aresta
pro coração já sofrido.

 

 

 

 

 

 

 

Outras Poesias do Autor

O GLANNovidades e EventosPoesiasContosHumorGaleria de Fotos